Início » Português » Gramática » Ortografia » “A fim” ou “Afim”: qual é o correto? Saiba as regras aqui

“A fim” ou “Afim”: qual é o correto? Saiba as regras aqui

Compartilhe!

Como uma disciplina dentro da gramática, a ortografia da Língua Portuguesa tem como finalidade principal estabelecer a grafia correta das palavras do nosso vocabulário, com uma série de regrinhas que podem até ser chatas a princípio, mas ajudam a organizar a comunicação, evitando os ruídos, e deixam o português entre os idiomas mais elogiados no mundo todo.

No entanto, para quem não está acostumado a lidar com as “armadilhas” causadas pelas semelhanças entre os fonemas (sons) de algumas palavras, como é o caso dos vocábulos “A fim” e “afim”, que nós vamos te ensinar como empregar no artigo de hoje. Antes de entender quais são as regras para escrever essas duas palavras, vale ressaltar que não tem nenhum bicho-de-sete-cabeças. Na maioria das vezes, os erros ortográficos têm mais a ver com a falta de atenção, que acaba precedendo a gafe.

Portanto, todo cuidado é pouco e toda forma de estudo é válida para ajudar no emprego dessas duas pequenas palavrinhas. Também de antemão, adiantamos a você que sim, “a fim” e “afim” existem, mas os seus significados são bem diferentes e, por isso, elas devem ser empregadas em situações distintas. Vamos aprender como isso funciona na prática?!

Quando usar o “A fim”?

A palavra “a fim” pode ser usada em três situações diferentes, quando assume a função de locução prepositiva “a fim de”, que pode indicar um propósito, intenção ou finalidade. Ou seja, você pode substituí-la pelas expressões “com a intenção de”, “para” ou “com o propósito de”.

Já em contextos informais, muitas pessoas a utilizam como o significado de estar com vontade, interesse ou desejo em alguém ou alguma coisa. Veja como funciona:

  • “A fim de” como indicação de um propósito

Exemplos:

Você mentiu a fim de tentar me convencer, mas não conseguiu.

Vou estudar muito a fim de tirar uma excelente nota na prova.

  • “A fim de” como indicação de interesse

Exemplos:

Neste momento, não estou a fim de falar com ninguém.

Juliana me disse que está a fim de Lucas.

  • “A fim de” com uma preposição subentendida

Percebi que Ana não está muito a fim… (de ver, falar, fazer, ouvir algo…)

Não adianta insistir, pois não estou a fim… (de fazer algo, alguma coisa)

Quando usar o “Afim”?

Já a palavra “afim” pode ter a função de um substantivo ou adjetivo. Confira:

  • “Afim” como adjetivo

Ao empregar a palavra “afim” como adjetivo, ela sempre ganhará a finalidade de se referir à coisas semelhantes, que possuem alguma ligação. Neste caso, ela poderá sempre ser substituída pelas palavras “parecido”, “semelhante”, “similar”, “próximo”, “conforme”, “análogo”, “vizinho”, etc. Veja os exemplos:

Esses dois departamentos da empresa possuem funções afins.

O português é uma língua afim com o espanhol.

  • “Afim” como substantivo

Já nos casos em que você for empregar a palavra “afim” como substantivo, ela sempre terá a função de demonstrar afinidade, parentesco, adeptos, amizade íntima, aliança, aderência, etc. Na maioria dos casos, “afim” sempre será empregada no plural (afins). Entenda melhor com estes exemplos:

Ela convidou para a sua festa de aniversário os parentes e afins.

Vou comprar livros e afins.

Resumão

Se você quer uma dica esperta  na hora que pintar a dúvida na prova, anote aí!

  • “A fim” (locução prepositiva) = finalidade
  • “Afim” (adjetivo) = afinidade

Gostou das dicas? Então, anote aí na sua caderneta para não errar e passar na prova do vestibular ou concurso público que tanto deseja!

Boa sorte!


Compartilhe!

Comentar

Clique aqui para postar um comentário