Início » Biologia » Biomas brasileiros: diferenças e características

Biomas brasileiros: diferenças e características

Compartilhe!

O território nacional, possui milhões de quilômetros quadrados, além de uma vasta variedade de características naturais, como vegetação, fauna, relevo e solo. Todas essas características interagem entre si formando uma composição única e natural.

Cada região do Brasil possui uma apresentação diferente dessas características, que são denominados biomas, que nada mais é do que um conjunto de ecossistemas dispostos em uma mesma região. No país existem 6 grandes biomas, são eles:

Amazônia

O bioma brasileiro amazônico ocupa mais da metade do território do país e se concentra em grande parte no Norte e na região Centro-Oeste. Esse bioma sofre forte influência do clima equatorial, com grande umidade e baixa amplitude térmica. Essas características se dão devido a evapotranspiração das árvores e dos rios que são presentes em abundância nessa região.

A flora é bastante rica e densa, apresentando exemplares de diversas espécies e tamanhos. Enquanto que a fauna também é muito diversificada, composta por muitos insetos, espécies de aves, jabutis, macacos, onças e muitos outros.

Mata Atlântica

O exemplar no Brasil de Floresta Tropical já praticamente desapareceu da faixa litorânea, e grande parte da sua vegetação se encontra destruída pela ocupação. A vegetação original desse bioma brasileiro se localizava em uma área do litoral bastante extensa, que ia do Piauí até o Rio Grande do Sul.

Suas principais características são floresta densa, semelhante a amazônica, com folhas grandes e largas, e perenes, que não caem. Já a fauna está praticamente extinta, e o pouco que resta de espécies estão ameaçadas, como a onça pintada, o mico leão dourado, tatu canastra, arara azul, entre outros.

Cerrado

Também conhecido como Savana brasileira, está espalhado por grande parte do Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste do país. Possui clima tropical continental como característica, e com isso, possui duas estações bem definidas, um inverno seco, e um verão úmido.

A vegetação é composta por arbustos pequenos, com troncos retorcidos de casca grossa e com folhas que caem no outono. Enquanto que a fauna é bastante rica e composta por tamanduás, seriemas, lobos-guará, capivaras, antas, etc.

Pampas

O bioma brasileiro fica localizado no sul do país, no Rio Grande do Sul e é bastante influenciado por um clima mais subtropical, com o relevo constituído principalmente por planícies. Como o clima é mais frio e seco nessa região, a vegetação tende a não se desenvolver de forma eficaz, e por isso, a grande maioria das espécies é constituída de gramíneas como vários tipos de capim. Os animais desse bioma, são a garça, o veado, capivaras, lontras, e muitos outros.

Caatinga

O bioma brasileiro se espalha por todo o sertão do país, e ocupa aproximadamente 11% do território. É a região mais seca do Brasil, e se localiza em uma região onde o clima é semiárido tropical. Sendo assim, a vegetação dessa região, é comporta por plantas que são evoluídas para sobreviver a escassez de água, chamada de xerófilas. As plantas caducifólias também estão bastante presentes nessa região, perdendo as folhas em períodos mais secos.

Uma característica marcante desse bioma são as raízes das árvores, que são muito profundas para buscar água. A fauna é composta por muitas espécies de répteis, além de preás, gambá, veado catingueiro, cutia, aves, sapos, etc.

Pantanal

A maior planície inundável do país, o pantanal é o bioma brasileiro que fica localizado nos estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. É um território completamente influenciado pelos rios da região, isso significa que quando o período é chuvoso, a água alaga grande parte da planície, e quanto o período é mais sexo, os rios baixam e reduzem o volume de água.

Com isso, é uma região onde tanto a vegetação quanto a fauna devem se adequar a movimentação das águas. Esses fatores, são responsáveis por criar uma vasta diversificação de espécies, com plantas típicas do Cerrado e da Amazônia também. Já a fauna é composta por muitas espécies de aves, répteis, mamíferos e peixes.


Compartilhe!

Comentar

Clique aqui para postar um comentário