Início » Vida de estudante » Bolsas no Senai em 2018: como se inscrever?

Bolsas no Senai em 2018: como se inscrever?

Compartilhe!

A cada ano o mercado de trabalho fica mais acirrado, por isso vale a pena conferir as bolsas no Senai em 2018. Se você tem interesse de trabalhar na indústria e ter não só uma função, mas uma profissão, o Senai pode ser uma boa aposta para melhorar seu currículo. O melhor de tudo é que o Senai está espalhado por todo o país, e em 2018 há vagas disponíveis em quase todas as unidades da federação.

Sendo assim, se você se interessou pelas oportunidades que as bolsas no Senai em 2018 podem te oferecer, primeiro vamos elucidar o que é e como funciona o Senai em si. Na sequência, vamos abordar as bolsas especificamente, e também alguns cursos gratuitos disponíveis. Por fim, vale a pena também prestar atenção em como o processo de seleção para esses cursos ocorre.

O que é o Senai?

O Senai, ou Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial, é um complexo educacional a nível nacional que visa a formação e profissionalização dos brasileiros nas diversas áreas da indústria. Os cursos de formação profissional vão desde a iniciação, cursos técnicos, de graduação e pós graduação na área industrial.

Segundo dados do próprio Senai, há 518 unidades fixas espalhadas por todo o país, e 504 unidades móveis. Sendo assim, para a administração desse serviço, cada estado é responsável pela distribuição de cursos, vagas e bolsas. Por isso, se você está interessado nas bolsas no Senai em 2018, vale a pena conferir a página online do Senai do seu estado de origem.

Bolsas de Estudos

Nessa perspectiva, para ilustrar a dimensão das bolsas no Senai em 2018, vamos analisar o estado de São Paulo. Uma rápida consulta no site do Senai São Paulo nos permitiu verificar que as bolsas estão presentes em três modalidades de curso: de Aprendizagem Industrial e Técnico, de Graduação (Ensino Superior), e em Cursos Livres.

Nos cursos de Aprendizagem Industrial e Técnico as bolsas oferecidas são sempre integrais. Nos cursos de Graduação, há possibilidade de se conceder bolsas parciais. Enquanto isso, nos Cursos Livres há possibilidade de haver bolsas integrais, contanto que tenham mais de 160 horas aula. Por fim, vale lembrar que essas bolsas atendem uma função social, logo há pré-requisitos que devem ser atendidos.

Quem pode se inscrever?

Vamos falar agora nos pré-requisitos que devem ser atendidos para conseguir bolsas no Senai em 2018, especificamente no estado de São Paulo. O primeiro deles é que o candidato tenha 18 anos completo na data de início do curso em questão. Além disso, o candidato não pode acumular bolsas, ou seja, não pode ter bolsa em outro curso do Senai São Paulo, e por fim ele deve atender os pré-requisitos do curso em questão também.

Caso haja mais inscrições do que o número de vagas, o critério de desempate segue quatro etapas. Primeiro dá-se preferência ao candidato que estiver desempregado. Em seguida, tem prioridade o candidato que tiver cursado no máximo até o ensino médio. Após isso analisa-se a renda per capita, e só tem direito à bolsa os candidatos com renda inferior a 1,5 salários mínimos. Se ainda houver empate, dá-se preferência ao candidato mais novo.

Cursos gratuitos

Segundo o site nacional do Senai, além das bolsas no Senai em 2018, há vagas abertas em quase todos os estados brasileiros para cursos, sendo que muitos são gratuitos. Para maiores informações, você deve acessar o site nacional, onde há um gráfico mostrando onde há vagas e quantas são.

Os únicos estados que por enquanto não estão oferecendo vagas são o Piauí, a Bahia e o Espírito Santo. Em todos os demais, você pode encontrar informações sobre cursos, vagas e período de inscrição nos respectivos sites das sedes estaduais do Senai.


Compartilhe!

Comentar

Clique aqui para postar um comentário