Início » Português » Gramática » Ortografia » Precursor ou percursor: Quando usar?

Precursor ou percursor: Quando usar?

Compartilhe!

Muitas palavras na língua portuguesa possuem a pronúncia e a escrita muito semelhante, o que deixa diversas pessoas confusas sobre quando utilizar cada palavra. Por exemplo, precursor ou percursor? Qual o significado de cada expressão? Quando devemos utilizá-las? Qual está certa segundo as normas da língua portuguesa?

Para não se confundir e errar mais ao escrever ou falar, confira aqui o significado e origem de cada uma dessas palavras, aprendendo sobre quando usar precursor ou percursor corretamente.

Significado de precursor

Precursor é uma palavra utilizada para se referir a alguém ou algo que é pioneiro, ou seja, que está à frente de todos os outros. Está relacionada ao ato de preceder, vir e estar antes das outras coisas ou pessoas. A origem dessa palavra vem do latim, da expressão praecursore, que é aquele que vai a frente dos outros.

Aliás, entender a formação dessa palavra pode auxiliar a compreender quando usar precursor ou percursor. A expressão precursor é formada pelo prefixo “pre-”, que significa antes, previamente, primeiro, anteriormente, como na palavra pré-histórico. Ou seja, se uma palavra começa “pre-”, então ela representa algo que veio em primeiro lugar.

Assim, o uso desse sufixo já diferencia os usos e aplicações das palavras precursor de percursor. Agora vejamos o significado de percursor para compreender ainda mais essa distinção.

Significado de percursor

Percursor é uma palavra utilizada para se referir a alguém que faz um percurso, um trajeto, um caminho. Ela refere-se a um indivíduo que percorre uma trajetória determinada, ou seja, a uma pessoa que realiza o ato de percorrer um caminho, como um maratonista.

A formação dessa palavra ocorre a partir de um processo sufixal, com a utilização do sufixo “-or”. A união da palavra “percurso” com o sufixo “-or” resulta na expressão percursor. Ou seja, esse sufixo transforma o substantivo percurso em uma nova palavra, em um novo substantivo: percursor.

Precursor ou percursor? Quando utilizar?

A partir da análise acima, foi possível perceber que ambas as palavras existem na língua portuguesa e são corretas. O que leva muitas pessoas a errarem ao escrever e falar é o fato de que essas palavras apresentam uma escrita e uma pronúncia muito semelhante. Porém, seus significados são distintos e cada uma possui usos próprios.

Na verdade, essa confusão ocorre, pois, precursor e percursor são palavras parônimas, ou seja, com grafia e pronúncia muito parecidas, mas com sentidos diferentes. Por isso, vejamos alguns exemplos de quando utilizar precursor ou percursor para facilitar ainda mais a compreensão.

Precursor:

– O precursor do basquete na minha cidade faleceu há muitos anos.

– Galileu Galilei foi o precursor no estudo da astronomia.

– João foi o precursor de Antônio nessa empresa.

– A precursora desse estilo musical na banda da escola foi Eliza e não Maria.

Percursor:

– Os percursores dessa corrida estão muito preparados.

– O treinador desse percursor é meu amigo de infância.

– Todos seremos percursores dessa trajetória no futuro.

– A melhor percursora da maratona deu entrevista na televisão no dia seguinte da corrida.


Compartilhe!

Comentar

Clique aqui para postar um comentário