Início » Biologia » Sistema Urinário: resumo e partes

Sistema Urinário: resumo e partes

Compartilhe!

Um dos principais responsáveis pelo equilíbrio químico em nosso corpo é o sistema urinário. Através de uma ação coordenada com outros mecanismos, ele recolhe substâncias rejeitadas e as elimina junto a líquidos, permitindo que o corpo livre-se de agentes potencialmente nocivos para a saúde.

Entenda de forma mais detalhada o funcionamento do sistema urinário, e como ele atua a favor do correto funcionamento do organismo:

Como funciona o sistema urinário?

O sistema urinário – muitas vezes chamado de sistema renal – produz, armazena e elimina a urina, utilizada para livrar o corpo de substâncias rejeitadas. Os rins fazem a urina ao filtrar dejetos e líquido adicional do sangue. Dos rins, ela é levada para dois tubos finos chamados ureteres, que são responsáveis por abastecer a bexiga. Quando ela está cheia, a bexiga libera a urina para a uretra, tubo responsável por retirá-la do corpo.

Composição do sistema urinário

Em conjunto a outros sistemas do organismo, o sistema urinário auxilia na manutenção de uma equilíbrio químico e dos líquidos no corpo. Em média, um adulto elimina entre 0,8 e 2 litros de líquidos do dias, a depender a quantidade ingerida diariamente, considerando a eliminação através do suor e da respiração.

the-human-body-bones-and-organs_1048-4904

Os órgãos primários do sistema urinário são os rins, localizados logo abaixo da caixa torácica, com o formato de feijões. Os rins removem a ureia – uma das substâncias rejeitadas pelo corpo decorrentes da quebra de proteínas – do sangue através de unidades que o filtram. Cada uma dessas unidades é rica em capilares sanguíneos para que elementos importantes sejam separados da ureia, que é um dos elementos principais da urina.

Dos rins, o urina já formada junto a líquidos e outros dejetos químicos são transportados pelos ureteres para a bexiga. Cada uréter possui cerca de 20 a 25 centímetros, mas sua função é apenas de transporte, e não de armazenamento. É importante, ainda, que a urina sempre seja retirada dos rins, para evitar infecções renais. Estima-se que a cada 10 ou 15 segundos novas “cargas” de urina sejam transportadas de um órgão para o outro.

A bexiga, por sua vez, é – como o próprio nome indica – uma espécie de tecido elástico em forma de balão, presa por ligamentos aos ossos pélvicos. Ela armazena a urina à medida que os rins a liberam, até o momento em que o cérebro sinaliza a necessidade de urinar. Um adulto saudável é capaz de armazenar quase meio litro de urina confortavelmente entre duas a cinco horas.

Ainda fazem parte do sistema urinário músculos circulares chamados esfíncteres. Eles “apertam” a abertura da bexiga para a uretra, o tubo pelo qual a urina é retirada do corpo.

A única diferença entre o sistema urinário masculino e feminino é o posicionamento e o tamanho da uretra. No caso das mulheres, ele possui tamanho máximo de 5 centímetros, e é posicionados entre o clitóris e a vagina. Em homens, ele percorre o pênis e pode ter cerca de 20 centímetros, terminando apenas no final do órgão masculino. No caso dos homens, a uretra é capaz de eliminar tanto a urina, quanto expelir o sêmen durante a ejaculação.


Compartilhe!

Comentar

Clique aqui para postar um comentário