Início » Português » Pronomes interrogativos: usos práticos

Pronomes interrogativos: usos práticos

Compartilhe!

Os pronomes interrogativos são utilizados para nada mais nada menos que interrogar, ou seja, para formular perguntas de maneira direta ou indireta. Eles referem-se sempre à terceira pessoa gramatical e como tem uma significação determinada incerta, que simplesmente é compreendida pela resposta dada a interrogação.

Exemplos de interrogação direta:

  • Qual o motivo desta bagunça?
  • Quem ganhou a competição?

 

Exemplos de interrogação indireta:

  • Diga-me, por favor, qual motivo dessa confusão.
  • Eu adoraria saber quem ganhou a competição.

 

Os pronomes interrogativos existentes são: qual, quem, que, e quanto, sendo que os pronomes que e quem são invariáveis, o pronome qual pode variar número para quais e o pronome quanto pode variar em gênero tanto quanto número, para quantas, quantos e quanto.

Exemplos com os pronomes invariáveis que e quem:

  • Quem é este garoto?
  • Quem é este embrulho?
  • Quem esta garota?
  • Quem são essas garotas?
  • Que é esta caixa?
  • Quem está garota?
  • Quem são estas caixas?
  • Que são estes embrulhos?

Exemplos com os pronomes variáveis qual e quanto:

  • Qual o propósito desse trabalho?
  • Quais são os propósitos deste trabalho?
  • Quantos empregados serão necessários?
  • Quantos empregados serão necessários?
  • Quanto a mão-de-obra será necessário?
  • Quais são as vantagens desse trabalho?
  • Quanto dinheiro será necessário?

Uso de valores dos pronomes interrogativos

O pronome interrogativo é aquele que aponta principalmente a coisas, podendo perguntar: que coisa? Que espécie de coisa ou pessoa? Pode vir acompanhado da expressão é que, forçando a interrogação, bem como seus utilizados para checar maior ênfase na interrogação.

Alguns exemplos como: que comeremos agora? Que comunicado ele pretende fazer? Que é que você fez? O que terá acontecido?

Já o pronome interrogativo quem está ligado principalmente a pessoas ou coisas personificadas. Como por exemplo: gostaria de saber quem é o responsável da empresa. Quem quer ir comigo ao cinema?

Pronome interrogativo qual aponta a coisas ou pessoas. Pode transmitir uma ideia de seleção, ou seja, identifica a ação de um ou vários elementos dentro de um único grupo. Como por exemplo: qual de vocês me ajuda nessa tarefa? Qual é o departamento correto?

O pronome interrogativo “quanto” a ponta coisas ou pessoas. Transmitir uma ideia de quantificação. Como por exemplo: quanto mais ter que aturar? Quantas inscrições são necessárias para que atividade seja realizada?

Saiba que os pronomes interrogativos podem ainda ser utilizados em exclamações que simbolizem uma interrogação com admiração e espanto.

Como por exemplo: que confusão! Quem diria! Quanta barbaridade!

 

De certa forma, o termo pelo nome não lhe causa nenhuma estranheza, não é verdade? Mas, ao mesmo tempo recordaremos um pouquinho mais sobre eles para que possamos entender perfeitamente o assunto do qual estamos tratando.

Quando falamos em pronomes interrogativos, devemos pensar naquele sinal de pontuação usado para fazer perguntas. E ao realizarmos essas perguntas, temos condições de entender o porque desses pronomes serem assim classificados, uma vez que são utilizados na promoção de perguntas, feitas de maneira clara ou não.

Já sabemos que o outro nome além de pertencer as classes gramaticais, entendeu como aquela palavra que acompanha o substantivo, indicando sua posição em relação as três pessoas do discurso: eu, tu, ele, como por exemplo; meu livro, aquele menino, ninguém chegou, entre outros exemplos.

Outro detalhe do qual não pode se esquecer é que esses pronomes, assim como os pronomes indefinidos, apontou uma terceira pessoa como por exemplo; ele, ela, eles, elas de maneira vaga ou indefinida.


Compartilhe!

Comentar

Clique aqui para postar um comentário